Bem Estar » Gravidez durante a Faculdade: Dicas e Direitos
Bem Estar Vida Universitária

Gravidez durante a Faculdade: Dicas e Direitos

Gravidez durante a Faculdade
Sabia que conciliar uma gravidez durante a faculdade não precisa ser um desafio tão grande quanto parece?
Publicidade:

Segundo um estudo desenvolvido em 2013 pelo Ministério da Educação (MEC), a Organização dos Estados Ibero Americanos (OEI) e a Faculdade Latino-Americana de Ciências (Flacso), 18,1% das meninas de 15 a 29 anos deixaram de estudar devido a uma gravidez inesperada.

Com atenção e organização, é possível levar tanto a gestação quanto os estudos de uma forma muito tranquila e sem problemas!

O grande problema é que, com tantas mudanças corporais e matérias para estudar, muitas mamães podem se sentir confusas na hora de organizar o tempo e a nova rotina.

Pensando nesse tema que muitas famílias dividem em tempos de universidade, separamos algumas dicas fundamentais para lidar com a gravidez durante a faculdade sem estresse e curtindo ainda mais essas duas fases únicas na vida de uma mulher.

Confira:

Planeje e organize a sua rotina

Pode ser uma boa ideia fazer algumas mudanças na sua rotina, separar horários para estudar, se planejar para fazer os trabalhos com antecedência, realizar exercícios físicos, e por aí vai.
Com organização, fica mais fácil conciliar os afazeres da faculdade com os cuidados da gravidez.

Fazer cronogramas, listas de tarefas e manter uma agenda, por exemplo, podem ser ótimas opções. Anote tanto as coisas referentes aos estudos quanto à gravidez, ao bebê e à qualquer outra responsabilidade.

Lembre-se que também existem atividades extracurriculares na faculdade, como palestras e grupos de estudos. Essas atividades são muito importantes para o desenvolvimento da sua carreira. Faça intervalos frequentes, se alimente bem e aproveite as oportunidades.

A maior fica é realizar o pré-natal regularmente, descansar na medida certa e cuidar da alimentação, já que o bebê é o seu espelho.

Faça intervalos e exercícios físicos regulares

A gravidez durante a faculdade pode ser muito exaustiva. Por isso, muitas pessoas criam o hábito de achar momentos em que possam fazer intervalos e exercícios físicos, durante o trabalho e/ou os estudos, para descansar e zelar pela saúde mental e física.

Procure fazer pausas quando estiver estudando, trabalhando, em casa ou em outro local, e separe um tempo regular para descansar e até cochilar.

O repouso faz parte do autocuidado, e é importante para a sua saúde e a do bebê!

Ajuda da família e dos amigos

Contar com a ajuda da família e amigos também pode ser uma boa ideia. Peça a ajuda nas tarefas diárias. Eles podem, por exemplo, acompanhá-la nas consultas médicas ou tomar conta da criança enquanto você estuda.

Conte com colegas e a coordenação do seu curso

Peça aos seus colegas para te passarem as matérias (caso você precise faltar à aula) e para te ajudarem a estudar. Além disso, não deixe de conversar com os professores e a coordenação do curso, explicando sua situação. O papel dos professores também é guiar os alunos para que encontrem seu próprio caminho para conciliar as situações.

Também é uma boa opção procurar um orientador pedagógico. Este é outro profissional que pode te ajudar, tirando suas dúvidas e auxiliando a encontrar as melhores alternativas para se organizar com a faculdade, levando em conta que um bebê não pode esperar para receber cuidados essenciais para seu desenvolvimento.

Conheça seus direitos

Apesar da decisão de continuar a faculdade durante a gravidez depender de diversos fatores externos como, por exemplo, condição financeira e rede de apoio, o governo possui uma lei que dá a chance para que estudantes, sejam elas universitárias ou do ensino básico.

Gravidez na Faculdade
Direitos da gestante durante a faculdade

A partir do oitavo mês de gravidez, você terá direito a quatro meses de licença-maternidade. Durante este período, deve ser permitido que você faça os trabalhos e provas em casa, entregando os materiais e documentos pela internet, por exemplo.

Os professores também podem entregaras atividades a familiares e amigos de confiança.

Dependendo da sua área, também é possível cursar algumas (ou mesmo todas) as disciplinas online. Essa é uma boa alternativa caso esteja difícil frequentar as aulas.  Para saber mais, procure a secretaria, a coordenação do curso ou até o currículo no site da sua faculdade. Vale a pena se informar!

O que fazer quando desrespeitarem a licença-maternidade?

O Sindicato das Entidades Mantenedoras de Estabelecimentos de Ensino Superior no Estado de São Paulo (Semesp) auxiliam de alguma forma alunas que se sentirem lesionadas, mas é importante salientar que: o Semesp como entidade representativa do Ensino Superior, apenas orienta coletivamente o cumprimento da legislação do Ensino Superior, bem como do consumidor e outras normas pertinentes a oferta de curso.

Segundo o Ministério da Educação (MEC), é muito rara a ocorrência de denúncia relativa a tratamento discriminatório à estudante gestante. Entretanto, quando acontece, o que o Ministério pode fazer é enviar um comunicado questionando o que aconteceu, “mas caso a instituição ignore o comunicado ou não demonstre haver adotado uma conduta de atendimento às condições especiais da aluna não seria possível ao MEC aplicar alguma sanção administrativa em face da IES, pois as normas em vigor não lhe conferem competência para agir nessa situação específica”. Ou seja, o MEC também não pode fazer nada efetivo caso a lei seja violada.

Entretanto, o Ministério indica que a aluna pode pedir ajuda ao Procon e Ministério Público.

É preciso que a mulher saiba que a lei nº 6.202 existe e deve ser cumprida. Apesar de não ser obrigação da instituição, caso a universidade não informe os direitos da gestante grávida, desde 2011, o Ministério da Saúde distribui em todo o território nacional a caderneta da gestante e, além do cartão de acompanhamento das consultas de pré-natal, essa carteira possui orientações sobre os direitos das mulheres antes e depois do parto. 

O que achou das nossas dicas? É super possível levar a gravidez durante a faculdade! Embora a sociedade tenha opiniões diversas sobre o tema, uma vida a ser gerada nunca deve ser tratada como um problema ou um empecilho. Dê valor a cada momento da sua gravidez e curta os melhores momentos da vida.

Deixe uma avaliação!

Classificação 5 / 5. Votos: 8

Publicidade:

LiveHere no Instagram

O Danillo, morador da Livehere, contou pra gente como as facilidades do nosso processo de locação o ajudaram a realizar a assinatura do contrato e a mudança com rapidez e segurança.
Assista o vídeo para conferir o depoimento completo: https://youtu.be/Dz9x8nh6p7o
Seguro e sem burocracias #livehere 💙
Conheça o SALVAÊ, uma startup incrível parceira da LiveHere💙
⠀
⠀
O Salvaê é especialista em serviços de manutenção para universitários!
⠀
Está buscando rapidez, qualidade e preços acessíveis? Chama o Salvaê!
Contato: (19) 97130-6301
⠀
E mais: morador da LiveHere em Campinas tem descontos exclusivos nos serviços do Salvaê 😉
⠀
Dividir um lar nem sempre é uma tarefa simples, mas também pode ser muito legal! Conta pra gente com quem você mora ou gostaria de morar 😉

Imperdível!

Publicidade