Tecnologia » Conheça os melhores dispositivos para estudar
Tecnologia

Conheça os melhores dispositivos para estudar

Dispositivos para estudar
Leves e portáteis, eles facilitam na hora de acessar conteúdos

Na hora de estudar, cada pessoa tem um tipo de rotina e forma de consultar textos, vídeos e outros materiais relacionados ao assunto no momento.

O mais comum atualmente é uso de computadores, principalmente os notebooks, que permitem a utilização em diferentes ambientes. Porém, os tablets e chromebooks também são ótimas opções para isso, e você confere o porquê logo a seguir. 

Notebooks

Os notebooks hoje seguem divididos em categorias, cada uma com suas características de preço, design, configurações e acabamento de materiais.

Os mais comuns aqui no Brasil ainda são os modelos convencionais, com capacidade de dar conta do uso doméstico e de estudantes, além de escritórios que basicamente só usam o pacote Office.

Não é o tipo favorito dos portáteis atualmente, mas consegue garantir o acesso à internet, pesquisas e escrita de textos, edição de tabelas, reprodução de vídeos e até algum jogo. 

Para quem prefere os mais portáteis, os modelos abaixo são bem mais atuais.

Chromebooks

Seguindo o exemplo do sucesso do Android, a Google criou o Chrome OS, uma interface móvel mais acessível que os notebooks convencionais, focando em tarefas que demandam basicamente do uso da internet.

Neles existem aplicativos próprios, veiculados pela Google Play, loja oficial da desenvolvedora. Desta forma, o acesso a editores de documentos, multimídia e à própria internet que possibilita tudo isso é bem próximo a ter um “navegador” físico na sua mão.

Por conta de seu foco no armazenamento em nuvem, o peso de um HD mais potente, processador mais forte e outras peças que puderam ser otimizadas é descontado do produto final, bem mais leve que os modelos convencionais.

Por fim, eles ainda se destacam pela versatilidade, quando utilizados em máquinas como o modelo que tenta ganhar o mercado aos poucos, o dois em um. 

Notebooks 2 em 1 

Os modelos dois em um (ou híbridos) são a junção de um notebook com um tablet, ou seja, uma tela touchscreen que pode ser usada para entretenimento, estudos, apresentações etc..

Uma grande vantagem é que o nome notebook acaba virando uma descrição perfeita, pois alguns modelos podem ser dobrados 360º, podendo ser usados com canetas ativas para manuscritos, desenho e uso mais produtivo. 

Por aqui, a DELL e a Lenovo trabalham com modelos que carregam configurações interessantes, como a última geração de processadores da Intel, telas HD e armazenamento SSD, mas ainda ficam numa faixa de preço premium

Se você é estudante de artes, design, turismo, arquitetura, jornalismo e internet, eles podem ser um bom custo-benefício considerando o uso. Para quem só consulta PDF’s e navega na internet um modelo mais básico resolve o problema. 

Ultrabooks

Em competição direta com os MacBooks, os ultrabooks são notebooks avançados, em que os fabricantes investem seu poder em inovação, design premium e velocidade. O público está entre os empresários, gamers e amantes do mundo Apple, mas que ainda não conseguem abraçar os preços da marca no Brasil. 

Um ótimo exemplo é um modelo da ASUS lançado esse ano, o ZenBook Pro. Com duas telas – uma delas voltada ao uso de editores, com controles literalmente ao alcance das mãos -, a máquina é potente o bastante para manter o próprio resfriamento enquanto trabalha com o processamento no máximo. 

Tablets

Ganhando espaço no mercado por volta de 2009, os tablets vieram como uma solução portátil para quem precisa de mais conforto para ler, acessar a internet, vídeos, filmes e editar arquivos. 

Uma versão ampliada dos smartphones (que hoje conseguem ser muito melhores que alguns tablets), eles pesam metade ou um terço do peso de um notebook convencional e podem se adaptar a diferentes perfis de uso. 

Sua conexão pode ser feita tanto usando redes Wi-Fi, como um plano de internet móvel, por meio de um SIM Card nos modelos que aceitam essa conexão. 

A Samsung é, ao lado da Apple, uma das que mais tem produtos nas mãos dos consumidores, e uma grande parte deles são estudantes. 

Assim como os notebooks, os tablets mais recentes estão se aproximando de uma configuração que comprove o seu desempenho para uso profissional. 

Smartphones

Por fim, os smartphones hoje fazem muitos computadores ficarem no chinelo. Com telas maiores e hardwares capazes de executar qualquer tarefa, inclusive várias ao mesmo tempo, eles acabam facilitando e muito para quem precisa acessar de forma rápida documentos e conteúdos online.

Uma das desvantagens do uso dos smartphones para estudar é que eles acabam sendo um prato cheio para distrações, com os apps de redes sociais e jogos bem ali na vista. Como alternativa é possível instalar apps que bloqueiam temporariamente o uso dessas plataformas por um tempo programado.

Para quem considera desconfortável estudar com algo tão pequeno, existem gadgets como os docks e monitores menores que conseguem servir de segunda tela quando conectados aos smartphones, otimizando bastante a visualização de documentos, vídeos e livros digitais. 

Outra vantagem desses aparelhos é que é possível começar a criar um documento completo com texto, imagens e links no navegador, e continuar sua edição em um computador ou tablet, por meio de uma simples sincronização.

Agora que você já sabe um pouco mais sobre cada um desses aparelhos, que tal contar pra gente qual é o seu preferido? 

Deixe uma avaliação!

Classificação 0 / 5. Votos: 0

LiveHere no Instagram

Instagram has returned empty data. Please authorize your Instagram account in the plugin settings .

Confira